Tema: Dor no Ombro – Dr. Gil Vicente Porto

O ombro é a articulação mais flexível do corpo, possui a maior amplitude de movimentos dentre as articulações. A dor no ombro é muito comum e pode acometer todas as faixas etárias. As principais causas de dor no ombro são divididas em causas traumáticas e não traumáticas, podendo ser agudas ou crônicas.



Olga Goulart: O ombro é a articulação mais flexível do corpo, possui a maior amplitude de movimentos dentre as articulações. A dor no ombro é muito comum e pode acometer todas as faixas etárias. As principais causas de dor no ombro são divididas em causas traumáticas e não traumáticas, podendo ser agudas ou crônicas. Frente a um paciente com dor no ombro, a ortopedia muitas vezes recorre aos exames de imagem exatamente para esclarecer o diagnóstico. E para trazer mais informações sobre dor no ombro e os métodos que nós temos de diagnóstico, conversamos hoje com o Dr. Gil Vicente Porto, especialista em Radiologia e Diagnóstico por Imagem.

Viva Mais Viva Melhor – Quais são os tipos de dores no ombro?

Dr. Gil Vicente Porto – As dores no ombro, podem ser divididas em dores traumáticas e não traumáticas, essas dores ainda podem ser divididas também em dores crônicas que são essas que duram em geral mais de três meses ou em dores agudas, em geral são dores mais recentes com menos de 15 dias, e que estão normalmente associadas a alguns eventos desencadeantes como traumas e etc.

Viva Mais Viva Melhor – Quais são as principais causas de dores no ombro?

Dr. Gil Vicente Porto – O ombro pode ser acometido por vários tipos de patologias, a mais comum delas é a degeneração crônica, que gera artrose, tendinite, bursite. Mas também existem outras causas relativamente comuns que são as causas pós-traumáticas e causas inflamatórias como, por exemplo, a capsulite adesiva que é mais conhecida popularmente como ombro congelado.

Viva Mais Viva Melhor – A dor no ombro que está mais relacionada com causas traumática, certamente atinge uma faixa etária diferente das que acometem pessoas já de mais idade?

Dr. Gil Vicente Porto – Quando a gente fala em dor no ombro por causa traumática, pode acometer todas as faixas etárias, mas em pacientes jovens com dor no ombro a gente sempre acaba pensando numa causa traumática, porque não é muito comum nessa faixa etária mais nova a gente pensar em causas degenerativas.

Viva Mais Viva Melhor – Quais são as lesões mais comuns nos ombros?

Dr. Gil Vicente Porto – Considerando as lesões traumáticas, a gente deve pensar principalmente em fratura, ruptura de tendão, ruptura muscular, que são lesões que podem estar associadas neste contexto de pós-trauma. Ainda existem alguns tipos de lesões que podem estar relacionadas a instabilidade do ombro, que é quando o ombro é propenso a sempre estar luxando, que é quando ele sai do lugar, isso também pode causar alguns tipos de lesões e, a própria doença degenerativa podem favorecer algumas lesões no ombro por deixar os tendões mais fracos e necessariamente ter um evento traumático prévio.

Viva Mais Viva Melhor – Essa dor no ombro causada pela idade por questão degenerativa tem mais ou menos uma faixa etária mais recorrente, que o Sr. poderia dizer para a gente mais ou menos em que faixa de idade?

Dr. Gil Vicente Porto – Sim, principalmente entre os idosos acima de 65 anos, é a faixa etária mais acometida, mas, se for considerar a fase adulta também que tem um acometimento grande, ele tem um leve predomínio entre mulher entre 40 e 55 anos.

Viva Mais Viva Melhor – Quando é que o paciente deve procurar ajuda médica para tratar a dor no ombro, evitando fazer automedicação?

Dr. Gil Vicente Porto – Principalmente com histórico de trauma.Trauma em que a dor não cessa em curto período de tempo, dor predominante noturna também é uma causa que deve-se procurar uma ajuda medica, dor crônica, essas dores com mais de 30 dias, ou então, dores que sempre ficam indo e voltando chamada de dor recorrente.

Viva Mais Viva Melhor – Como é feito o diagnóstico dessas lesões no ombro, que tipo de exames são solicitados?

Dr. Gil Vicente Porto – O diagnóstico em geral segue uma ordem começando pela consulta com o ortopedista, faz avaliação física, exame físico e depois disso ele avalia a real necessidade de complementar com exame de imagem. No geral os exames mais pedidos são a radiografia, ultrassonografia, tomografia computadorizada ou ressonância magnética. E cada um deles tem um direcionamento especifico para algum tipo de patologia especifica.

Viva Mais Viva Melhor – A ressonância magnética é o exame mais indicado para investigação de lesões nas articulações?

Dr. Gil Vicente Porto – A ressonância magnética é um excelente exame para avaliação do ombro, consegue detectar a grande maioria das patologias que podem causar os diversos tipos de dores no ombro. É um exame muito completo, porém existem outros métodos também que são muito importantes, como a radiografia, ultrassonografia, tomografia, que também podem ser utilizados, mas a ressonância talvez seja o mais completo deles, consegue avaliar/dar a maior quantidade de informações.

Viva Mais Viva Melhor – Qual a melhor forma de prevenir dor nos ombros?

Dr. Gil Vicente Porto – Prevenir a dor no ombro é uma coisa genérica que também pode servir para outras articulações, principalmente evitar o erro postural, uso de computador, celular, esforço repetitivo e no caso específico do ombro, evitar esforço com elevação excessiva do ombro e ter muita atenção na pratica de algumas atividades físicas, principalmente aquelas que estão relacionadas diretamente com o ombro, como por exemplo: musculação, vôlei e natação.

Viva Mais Viva Melhor – Nessas condições de esporte é importante inclusive que se previna com atividade física especifica para aquela área, caso a pessoa seja um atleta de performance, no caso de natação, de surf?

Dr. Gil Vicente Porto – Sim, exato, se você faz natação, tem que fazer o fortalecimento muscular direcionado para evitar esse tipo de lesão e isso serve para todos os esportes. Algum tipo de fisioterapia preventiva, isso tudo pode ajudar.

Viva Mais Viva Melhor – Conversamos com Dr. Gil Vicente Porto, especialista em Radiologia e Diagnóstico por Imagem. Muito obrigada e até a próxima!


Confira aqui mais conteúdos.



30 visualizações

Clínica de Diagnóstico por ImagemUnidade Itaigara

71. 3797 8500   |  71. 99718-8505

RESSONÂNCIA MAGNÉTICA

OUTROS EXAMES | ENTREGA DE RESULTADOS

  • Av. ACM 846, lojas 25, 26 e 27 Edf. Max Center.

  • Av. ACM 1034 sala 229A - Edf. Pituba Parque Center.

Clínica de Diagnóstico por ImagemUnidade Shopping Bela Vista

RESSONÂNCIA MAGNÉTICA E TOMOGRAFIA 

  • Alameda Euvaldo Luz , 92 - Piso L2 Loja 92 -  Shopping Bela Vista