• BLOG CDI

Ressonância Multiparamétrica da Próstata

Atualizado: 13 de Nov de 2019

Entrevista com nosso especialista

Dr. Bruno Dantas Santana


O diagnóstico precoce do câncer de próstata é muito importante para aumentar as chances de cura da doença.


Ele é feito pelo urologista através da avaliação clínica do toque retal e da análise laboratorial do PSA, cujos resultados, caso apresentem alterações, podem indicar uma suspeita de neoplasia. Para confirmar ou descartar a patologia, muitos médicos costumam lançar mão de uma biopsia programada pela ressonância multiparamétrica da próstata. Esse exame contribui consideravelmente para a avaliação prostática ao elevar as taxas de detecções das lesões, principalmente dos tumores mais agressivos. Sobre a ressonância multiparamétrica da próstata, hoje conversamos com o Dr. Bruno Dantas, especialista em radiologia e diagnóstico por imagem.

Viva Mais Viva Melhor: Doutor, primeiramente explique para nossos ouvintes - qual a importância desse exame para o diagnóstico do câncer?

Dr. Bruno Dantas: A ressonância multiparamétrica da próstata exerce um papel muito importante no diagnóstico do câncer de próstata, doença tão comum entre os homens. É um exame que nos fornece uma grande riqueza de detalhes, como o nome multiparamétrica. O exame nos informa a anatomia da próstata e o padrão celular de idade de prováveis lesões prostáticas, informando também o padrão de vascularização e angeolinese dessas prováveis lesões. Portanto, é um exame completo, a partir do qual conseguimos informações muito detalhadas para o urologista e para o médico que realizará o procedimento de biopsia.

Viva Mais Viva Melhor: Além de ampliar a efetividade dos resultados da biópsia, facilitando o diagnóstico preciso, a ressonância multiparamétrica da próstata também é capaz de determinar, por exemplo, a extensão da doença? Ela mostra se a lesão já se espalhou por outras partes do corpo do homem ou se ficou restrita à próstata?

Dr. Bruno Dantas: Sim, conforme falei anteriormente, a quantidade de detalhes oferecidos pelo exame multiparamétrico permite-nos concluir se a lesão é restrita à próstata, se há invasão dessa lesão além da cápsula prostática, se há invasão da gordura periprostática, se há invasão ou não das vesículas seminais e consegue também nos auxiliar no diagnóstico de lesões a distância como linfonodos pélvicos envolvidos pela doença e também acometimento de estruturas ósseas da pelve.

Viva Mais Viva Melhor: Como é feita a preparação para a ressonância multiparamétrica da próstata?

Dr. Bruno Dantas: O preparo para esse exame é simples. A gente costuma solicitar uma abstinência sexual de cerca de três dias para o paciente. No dia anterior ao exame é iniciado um procedimento de limpeza do intestino para a gente reduzir a quantidade de conteúdos fecais. E para o dia do exame exigimos um jejum de cerca de seis horas. Esse é o preparo.

Viva Mais Viva Melhor: Como a ressonância multiparamétrica da próstata é realizada? E quanto tempo dura o exame em média? O homem pode sentir dor ou algum tipo de incômodo durante o procedimento?

Dr. Bruno Dantas: O exame é realizado num aparelho de ressonância magnética, dura em média trinta minutos. Com as tecnologias atuais que temos, é um exame indolor, visto que não utilizamos bobina endorretal. Normalmente não é sentido nenhum incômodo durante o procedimento.

Viva Mais Viva Melhor: Doutor, há riscos de contraindicações? Ou qualquer homem com indicação para o exame pode se submeter à ressonância multiparamétrica da próstata sem maiores complicações?

Dr. Bruno Dantas: Em geral não há risco. As contraindicações são as mesmas para qualquer outra ressonância magnética, que seriam o uso de marca-passo, clipes metálicos de aneurisma, implantes cocleares. No entanto isso não é algo muito comum para a população e outra restrição seria a questão do uso do contraste em pacientes que, por exemplo, tenham alergia ao uso do contraste. É necessário que a gente faça um preparo antes da realização do exame, mas nada que impeça a realização mesmo.

Viva Mais Viva Melhor: Quais são as indicações da ressonância multiparamétrica da próstata para pacientes em tratamento oncológico? Ou que já tenham sido curados da doença?

Dr. Bruno Dantas: Certo, essa é uma pergunta muito importante. Falamos anteriormente da questão do diagnóstico. No entanto, o exame de ressonância multiparamétrica é muito importante também nos seguimentos de pacientes que já foram submetidos a tratamentos, seja ele um tratamento cirúrgico, seja ele tratamento químico com uso de medicações por via oral, seja ele tratamento por radioterapia. Então é um exame muito importante no seguimento desse paciente para observar a possibilidade de recidiva da doença ao longo do restante da vida do paciente.

Viva Mais Viva Melhor: Doutor, chegou um questionamento de um de nossos ouvintes quanto ao valor desse exame. É o seguinte: Doutor, a ressonância multiparamétrica é um exame caro e por isso não é coberto pelo Sistema Único de Saúde. Isso procede? É verdade?

Dr. Bruno Dantas: Na verdade, o exame tem um custo relativamente alto. No entanto, o exame é coberto sim pelo Sistema Único de Saúde. Na nossa cidade existem algumas instituições públicas que fornecem esse tipo de exame sem nenhum tipo de custo ao paciente.

Viva Mais Viva Melhor: Bom, doutor, para finalizarmos essa conversa tão importante, eu gostaria que você deixasse um recado para os nossos ouvintes sobre a importância do diagnóstico precoce quando o assunto é câncer de próstata.

Dr. Bruno Dantas: O diagnóstico precoce do câncer de próstata é muito importante. Lesões diagnosticadas de forma precoce são mais suscetíveis a um tratamento com possibilidades grandes de cura. Portanto, é muito importante que todo homem tenha consciência de procurar, ao menos uma vez por ano, seu médico, seja ele um clínico geral, seja urologista, realizar consulta com toque retal, realizar dosagem do PSA, ultrassonografia da próstata e, em casos de alterações nos exames, realizar ressonância magnética da próstata, também podendo acrescentar a biopsia da próstata.

Viva Mais Viva Melhor: Ok, conversamos com o Dr. Bruno Dantas, especialista em radiologia e diagnóstico por imagem. Doutor, muito obrigado pelos esclarecimentos e até a próxima.


#ressonanciamagneticadapróstata #novembroazul #salvador #minhabahia #cdisalvador #examesporimagem

13 visualizações

Clínica de Diagnóstico por ImagemUnidade Itaigara

71. 3797 8500   |  71. 99718-8505

RESSONÂNCIA MAGNÉTICA

OUTROS EXAMES | ENTREGA DE RESULTADOS

  • Av. ACM 846, lojas 25, 26 e 27 Edf. Max Center.

  • Av. ACM 1034 sala 229A - Edf. Pituba Parque Center.

Clínica de Diagnóstico por ImagemUnidade Shopping Bela Vista

RESSONÂNCIA MAGNÉTICA E TOMOGRAFIA 

  • Alameda Euvaldo Luz , 92 - Piso L2 Loja 92 -  Shopping Bela Vista