DENSITOMÉTRIA ÓSSEA - MITOS E VERDADES

A densitometria óssea é um tipo de exame por imagem que possibilita a detecção de perda de massa óssea e possível identificação de osteopenia ou osteoporose.



Apesar de não ser tão popular como outros tipos de exames por imagem, a densitometria óssea é amplamente requisitada e totalmente segura.

Mitos e verdades sobre a Densitometria Óssea:

1 - Somente pessoas acima de 65 anos podem fazer o exame?

Mito. A densitometria óssea é frequentemente recomendada para pacientes com 65 anos ou mais, mas pessoas que apresentam fatores de risco para osteopenia ou osteoporose , inclusive crianças, acima de 5 anos, também podem fazer o exame.

2 - A densitometria óssea ajuda a prevenir a osteoporose?

Verdade. A osteoporose pode se manifestar de forma silenciosa e, por isso, a maioria dos casos só é diagnosticada após a fratura, visto que não apresentam sintomas.

3 - Gestantes não podem fazer a densitometria óssea?

Verdade. Não é recomendado que grávidas façam o exame de densitometria óssea por conta da radiação envolvida no exame, embora esta seja muito baixa.

4 - É requisitado jejum de 24h para a realização do exame?

Mito. No dia do exame, não é necessário jejum algum, mas é preciso ter atenção para não ingerir as seguintes substâncias no prazo de 24h que antecedem a realização do exame: comprimidos que contenham cálcio, pílulas de vitaminas ou suplementos minerais e contraste.

A densitometria óssea é uma das maiores aliadas no tratamento e prevenção de diversas doenças.


Compartilhe conhecimentos verídicos para evitar desinformação e mal-entendidos e realize check-ups médicos periódicos para prevenir qualquer problema, saúde é coisa séria.


Consulte um especialista!


Clique aqui e agende sua consulta


#DensitometriaOssea #Exames #MitosEVerdade #Saúde #BemEstar #Cuidados #CDISalvador #ExameDeImagens #Bahia

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo